VEREADORES - LEGISLATURA 2017-2020

  • EDIVALDO BATISTA FERREIRA
    EDIVALDO BATISTA FERREIRA
  • FERNANDO AUGUSTO MORENGHI RODRIGUES - TUCURA
    FERNANDO AUGUSTO MORENGHI RODRIGUES - TUCURA
  • SUDÁRIO LUIZ LOPES FILHO - SUDARINHO
    SUDÁRIO LUIZ LOPES FILHO - SUDARINHO
  • ALEXANDRE ALBERTO ALVES DEMETERCO
    ALEXANDRE ALBERTO ALVES DEMETERCO
  • SEBASTIÃO SOARES DE FREITAS - TIÃOZINHO
    SEBASTIÃO SOARES DE FREITAS - TIÃOZINHO
  • WILSON ALVES SILVA JÚNIOR – JÚNIOR DA SAÚDE
    WILSON ALVES SILVA JÚNIOR – JÚNIOR DA SAÚDE
  • ORFÉLIA ALVES GOMIDES MEIRA
    ORFÉLIA ALVES GOMIDES MEIRA
  • ANTÔNIO CARLOS MARCELINO DOS SANTOS
    ANTÔNIO CARLOS MARCELINO DOS SANTOS
  • ELICLEITON MARTINS CASTILHO - CLEITON
    ELICLEITON MARTINS CASTILHO - CLEITON
  • MARCOS GOMES PEREIRA - MARCOS PASSARINHO
    MARCOS GOMES PEREIRA - MARCOS PASSARINHO
  • ERNANI BARALDI
    ERNANI BARALDI

TV CÂMARA

Vídeos, Transmissão ao vivoVer TV

Smaller Default Larger

VEREADORES DE RIFAINA APROVAM PARCERIA PARA ATIVIDADE DELEGADA DA POLÍCIA MILITAR

Compartilhar


Foi aprovado pela Câmara de Vereadores, o Projeto de Lei (PL) nº 45/2017, de autoria do Prefeito de Rifaina, Hugo César Lourenço, criando a gratificação por desempenho de Atividade Delegada, que será paga a Policiais Militares do Estado que exercem Atividade Municipal Delegada ao Estado, por força de convênio celebrado com o Município.

A aprovação ocorreu depois que o assunto foi tema de reunião entre oficiais da PM do 15º BPM-I sediado em Franca e da 5ª Companhia, responsável pela região no final do 1º semestre, antecipando o envio da proposta à Câmara de Vereadores pelo prefeito Hugo.

Estando devidamente conscientizados e conhecedores da importância da Atividade Delegada para a segurança no Município, os vereadores aprovaram a proposta por unanimidade.

Pela Atividade Delegada, sempre que necessário, o Município convocará reforço policial de oficiais de comando, além de tenentes, sargentos, cabos e soldados, com gratificação que será paga por hora trabalhada.

O valor da gratificação, que varia de 1,30 a 1,10 UFESP – Unidade Fiscal do Estado de SP (hoje o valor de cada unidade é de R$ 25,07), de acordo com a natureza e a complexidade das atividades, objeto de cada convênio, respeitadas as disponibilidades orçamentárias e financeiras.